Vídeos

Você sabe com quem está falando?

Vídeo Publicado em Atualizado em

Mario Sergio Cortella é um filósofo brilhante. As pequenas palestras que se seguem, não sendo propriamente sobre budismo, lançam algumas ideias para reflexão e que estão interligadas com o pensamento budista. Num estilo “stand up comedy”, Cortella filosofa sobre quem nós somos e como levamos a vida.

O que é a vida? Leia o resto deste artigo »

Anúncios

Os 3 Venenos Mentais | Mauricio Hondaku

Vídeo Publicado em Atualizado em

Transcrição:

(…) Os 3 Venenos Mentais segundo o Buda são as bases do nosso pensamento ilusório, das nossas acções ilusórias. (…) Os Venenos Mentais têm haver directamente com a 2ª Nobre Verdade que diz que são os tipos de veneno que nos levam ao apego, que nos levam a vivermos nesse mundo apegado, nesse mundo ilusório que nós vivemos.

Então o Buda dizia que os 3 Venenos Mentais, que terminam guiando tudo o que a gente faz na vida são: Ignorância, Ganância [ou apego] e Ira/raiva [ou aversão]. Isso quer dizer que geralmente quando nós agimos, nós agimos baseados num desses 3 venenos, são esses venenos agindo na nossa cabeça.

A Ignorância é justamente quando nós agimos sem Leia o resto deste artigo »

[Vídeo] Wabi-Sabi

Vídeo Publicado em Atualizado em

 

Wabi: Simplicidade, elegância discreta, frescor, quietude
Sabi: A beleza que vem com a impermanência

“Wabi-sabi representa uma abrangente visão de mundo japonesa, uma visão estética centrada na aceitação da transitoriedade e imperfeição. Esta concepção estética é muitas vezes descrita como a do belo que é “imperfeito, impermanente e incompleto”. Uma idealização artística desenvolvida por volta do século XV no Japão, durante o período Muromachi, com bases nos ideais do zen budismo. É um conceito derivado dos ensinamentos budistas das três marcas da existência, nomeadamente anicca (impermanência), as outras duas sendo dukkha (sofrimento) e anatta (não-eu).” (Wikipédia)

Confira também o vídeo Nature By Numbers, do mesmo autor do vídeo nesta publicação.

“Esqueça sua perfeita oferenda.
Há uma falha em tudo,
É assim que a luz entra.”
(Leonard Cohen, música “Anthem”)

Veja também:

A Mente como o Espaço | Mingyur Rinpoche

Vídeo Publicado em Atualizado em

Transcrição:

A consciência é como o espaço, não pode ser poluída pelas nuvens, você não pode obscurecer o espaço, as nuvens, a terra, o sistema solar, as galáxias você não pode cortar o espaço, você não pode queimar o espaço, o espaço é sempre puro e claro, sempre está lá.

A natureza do espaço é sempre pura e limpa. A consciência é assim. E desta maneira, você automaticamente elimina o sofrimento. Por quê?

Porque normalmente, a nossa mente depende totalmente das coisas materiais externas: Forma, som, cheiro, sabor, sensação; Leia o resto deste artigo »

[Filme completo] Buda Caiu de Vergonha

Vídeo Publicado em Atualizado em

Trailer e Sinopse

Afeganistão, região de Bamyian. Neste local ergueram-se durante séculos estátuas gigantescas do Buda, porém o fanatismo religioso dos Talibã levou à sua destruição. É nas ruínas destas esculturas ancestrais que vive ainda uma população muçulmana onde encontramos a pequena Bakhtai, uma rapariga de 6 anos que sonha em ir à escola e aprender a ler e a escrever. Com custo ela arranja o dinheiro necessário para comprar um caderno e acompanhada por um vizinho dirige-se à escola, porém pelo caminho é atacada por um grupo de rapazes que repetem toda a violência de que foram testemunhas ao longo das suas vidas, eles querem rebentar com Bakhtai como os talibã fizeram ao Buda, será que a pequena conseguirá escapar a estas brincadeiras violentas e chegar à escola? Leia o resto deste artigo »

[Vídeo] Buddha Eden | Quinta dos Loridos | Portugal

Vídeo Publicado em Atualizado em

Buddha Eden situa-se na Quinta do Loridos, em Portugal, é o maior jardim oriental da Europa.
Com cerca de 35 hectares, o jardim foi idealizado pelo comendador José Berardo, como resposta à destruição dos Buddhas Gigantes de Bamiyan.

Entre Buddhas, pagodes, estátuas de terracota e várias esculturas cuidadosamente colocadas entre a vegetação, estima-se que foram usadas mais de 6 mil toneladas de mármore e granito para edificar esta obra. Leia o resto deste artigo »