Cânone Budista

Nesta página estão expostas as ligações para os textos canónicos dos 3 veículos ou tradições do budismo, inclui também ligações para algumas análises e comentários. No final da página poderá consultar alguns links com mais informações sobre os cânones e escrituras do budismo.

Os 3 Veículos e o Cânone correspondente:
(1) Theravada: Utiliza o Cânone Pali, também chamado de Tipitaka. Uma parte substancial deste cânone está traduzido para portugês.
(2) Mahayana: Utiliza o Cânone Chinês, que inclui o conteúdo do Cânone Pali, sutras Mahayana, alguns tantras e outros textos, inclusive textos de outras tradições religiosas. Os tantras e sutras Mahayana são essencialmente traduções das escrituras em sânscrito, sendo que algumas das escrituras originais em sânscrito não sobreviveram. Vários sutras Mahayana estão traduzidos para português.
(3) Vajrayana: Utiliza o Cânone Tibetano, que inclui o conteúdo do Cânone Pali, sutras Mahayana, tantras e outros textos. Sutras Mahayana e Tantras também são traduções do sânscrito.

Existem outras escrituras que quase não sobreviveram até aos dias de hoje, como por exemplo os textos de Gandhara.

Clique Aqui para ver uma Selecção de Suttas que inclui os seguintes tópicos: A vida do Buda, Primeiro Ensinamento, As 4 Nobres Verdades, Conselhos para viver bem, Meditação, Kamma, Sila, Vivendo e Morrendo, Compreendendo a Realidade, Origem Dependente, Vida Monástica, Nibhana e iluminação.

Veículos
Theravada
Cânone Pali
Mahayana
Cânone Chinês
Vajrayana
Cânone Tibetano

Theravada

Websites
Nestes sites poderá consultar as escrituras do Cânone Pali, bem como outros textos e comentários.

__

O Cânone Pali – Tipitaka consiste em três cestos, que são:

I. Cesto da Disciplina (Vinaya Pitaka) (3 divisões)

  1. Suttavibhanga
  2. Khandaka
    1. Mahāvagga (10 capítulos)
    2. Cullavagga (12 capítulos)
  3. Parivāra

II. Cesto dos Discursos (Sutta Pitaka) (5 colecções)

  1. Dīgha Nikāya (Colecção dos Discursos Longos) (34 suttas em 3 divisões)
    1. Silakkhandha-Vagga (A Divisão da Virtude)
    2. Maha-Vagga (A Grande Divisão)
    3. Patika-Vagga (A Divisão Patika)
  2. Majjhima Nikāya (Colecção dos Discursos Médios) (152 suttas em 15 divisões)
    1. Mulapariyayavagga (A Divisão do Discurso sobre a Raiz)
    2. Sihanadavagga (A Divisão do Rugido do Leão)
    3. Tatiyavagga (A Terceira Divisão)
    4. Mahayamakavagga (A Grande Divisão dos Pares)
    5. Culayamakavagga (A Curta Divisão dos Pares)
      __
    6. Gahapativagga (A Divisão dos Chefes de Família)
    7. Bhikkhuvagga (A Divisão dos Bhikkhus)
    8. Paribbajakavagga (A Divisão dos Errantes)
    9. Rajavagga (A Divisão dos Reis)
    10. Brahmanavagga (A Divisão dos Brâmanes)
      __
    11. Devadahavagga (A Divisão em Devadaha)
    12. Anupadavagga (A Divisão Um a Um)
    13. Suññatavagga (A Divisão do Vazio)
    14. Vibhangavagga (A Divisão das Análises)
    15. Salayatanavagga (A Divisão das Seis Bases)
  3. Saṁyutta Nikāya (Colecção dos Discursos Agrupados Tematicamente) (2904 suttas em 5 divisões)
    1. Sagatha-Vagga (A Divisão do Versos )
    2. Nidana-Vagga (A Divisão da Causalidade) audio_icon_2 text_icon
    3. Khandha-Vagga (A Divisão dos Agregados) audio_icon_2 text_icon
    4. Salayatana-Vagga (A Divisão das 6 Bases dos Sentidos) audio_icon_2
    5. Maha-Vagga (A Grande Divisão)
  4. Anguttara Nikāya (Colecção dos Discursos Agrupados Numericamente) (9557 suttas em 11 livros)
    1. Ekaka Nipata (Livro do Um)
    2. Duka Nipata (Livro dos Dois)
    3. Tika Nipata (Livro dos Três)
    4. Catukka Nipata (Livro dos Quatro)
    5. Pancaka Nipata (Livro dos Cinco)
    6. Chakka Nipata (Livro dos Seis)
    7. Sattaka Nipata (Livro dos Sete)
    8. Atthaka Nipata (Livro dos Oito)
    9. Navaka Nipata (Livro dos Nove)
    10. Dasaka Nipata (Livro dos Dez)
    11. Ekadasaka (Livro dos Onze)
  5. Khuddaka Nikāya (Colecção Menor) (15 livros)
    1. Khuddaka Pātha (Textos Curtos)
    2. Dhammapada (Caminho da Verdade) [Ver Post: Comentários, ebook e audiobook] (423 versos organizados em 26 divisões)
    3. Udāna (Hinos de Alegria) (8 divisões, 80 Hinos)
    4. Itivuttaka (Discursos “Assim foi dito”) audio_icon_2 text_icon audio_icon (115 pequenos suttas em 4 nipatas)
    5. Sutta Nipāta (Discursos Coletados) (5 divisões, 71 suttas)
    6. Vimana Vatthu (Histórias das Mansões Celestiais) (7 divisões, 85 poemas) [Não disponível em português]
    7. Peta Vatthu (Histórias dos Petas) (4 divisões, 51 poemas) [Não disponível em português]
    8. Theragāthā (Salmos dos Irmãos) (107 poemas/1279 gathas)
    9. Therīgāthā (Salmos das Irmãs) (75 poemas/522 gathas) [Não disponível em português]
    10. Jātaka (Histórias de Nascimentos) (547 histórias) [Não disponível em português]
    11. Niddesa: Mahāniddesa – Cūḷaniddesa (Exposições) [Não disponível em português]
    12. Patisambhidā Magga (Conhecimento Analítico) (3 divisões, cada uma contendo 10 tópicos) [Não disponível em português]
    13. Apadāna: TherāpadānaTherīapadāna (Vidas dos Arahats) [Não disponível em português]
    14. Buddhavaṁsa (A História do Buddha) [Não disponível em português] 
    15. Cariyā Pitaka (Modos de Conduta) [Não disponível em português]
    16. Nettippakarana (Tipitaka Birmanes somente) [Não disponível em português]
    17. Petakopadesa (Tipitaka Birmanes somente) [Não disponível em português]
    18. Milindapañha (“As Questões de Milinda”) (Tipitaka Birmanes somente) [Não disponível em português]

III. Cesto da Doutrina Última (Abhidhamma Pitaka) (7 Livros) [Não disponível em português]

  1. Dhammasaṅganī (Classificação dos Dhammas)
  2. Vibhanga (O Livro das Divisões)
  3. Kathā-Vatthu (Pontos de Controvérsia)
  4. Puggala-Paññatti (Descrição dos Indivíduos)
  5. Dhātu-Kathā (Discussão com Referência aos Elementos)
  6. Yamaka (O Livro dos Pares)
  7. Patthāna (O Livro das Relações)

Mahayana

Websites:

Sutras Mahayana traduzidos para português:


Vajrayana

 


MAIS INFORMAÇÕES (eng):


Nota pessoal
Obstáculos que principalmente um novato vai ter ao ler os suttas:

(1) O desconhecimento do verdadeiro significado de alguns termos em Pali ou Sânscrito e as suas traduções. Por exemplo o Buda nunca falou em sofrimento mas sim em dukkha, essa palavra em pali que normalmente é traduzida como sofrimento tem uma profundidade muito maior. Outro termo problemático, tanha traduzido como desejo, entre muitos outros. Sem levar isso em consideração vai-se ter um falso entendimento do que foi exposto nos suttas;
(2) Conhecer o contexto social, histórico e cultural da época em que o sutta foi proferido e escrito também é importante para a compreensão dos ensinamentos;
(3) Entender a quem se destina o ensinamento, o estado psicológico da pessoa e se é aplicável à nossa situação. Não é esperado que um leigo tenha o mesmo nível de prática que um monge. Alguns ensinamentos como por exemplo a contemplação das 32 partes repulsivas do corpo ou contemplação de cadáveres pode mesmo ser contraproducente para algumas pessoas;
(4) A identificação do que é simbolismo e alegoria e a sua compreensão. A identificação do que é ensinamento que não deve ser visto como uma simples alegoria;
(5) Interpretar alguma alegação como a fala de Buda, sendo que se forem comparados os suttas dos vários cânones e conhecendo o contexto da época podemos concluir que determinada alegação é improvável ter sido dita por Buda, que não está de acordo com o escopo de ensinamentos e que provavelmente foi alguma adição pessoal dos monges que escreveram o sutta.

Concluindo, existem suttas que se um novato for ler sem ter uma base, não vai compreender, até pode ficar com aversão e afastar-se do budismo por falta de entendimento.
Não é pretendido com este alerta intimidar as pessoas para não lerem os suttas, mas sim alertar para alguns obstáculos e da importância de estudar e não apenas ler. Para um Budista o contacto com os suttas é sempre importante. Um Mestre qualificado é uma mais valia para o praticante.


Encontrou algum erro? Algum link já não está disponível? Informe Reportando o Erro.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s