[Documentário completo] Doing Time, Doing Vipassana / Tempo de Espera, Tempo de Vipassana

Vídeo Publicado em Atualizado em

Tihar é um dos maiores presídios do mundo e até algumas décadas, o mais violento da Índia. Dizia-se que para alguém não voltar a cometer crimes deveria passar pelo inferno que era a prisão. Mas a verdade é que dessa maneira, só se nutria uma escola de mais crimes, onde um prisioneiro por furtar uma carteira saia de lá assassino. Até que um dia uma mulher revolucionou a maneira de pensar e introduziu a meditação Vipassana (ensinada por Goenka) na prisão.

Um documentário Belissimo e Sensível sobre Leia o resto deste artigo »

Anúncios

A Fé no budismo | S. N. Goenka

Citação Publicado em Atualizado em

Monge“O primeiro amigo é a fé, a devoção, a confiança. Sem confiar, não se pode trabalhar, por permanecer agitado com dúvidas e ceticismo. Porém, se a fé for cega, será um grande inimigo. Torna-se cega se perdermos a inteligência discriminatória, o entendimento apropriado sobre o que é a devoção correta. É possível ter fé em alguma divindade ou indivíduo santificado mas, se a fé for correta, com entendimento apropriado, iremos evocar as boas qualidades desse ser e isso nos inspirará a desenvolver essas mesmas qualidades. Tal devoção é cheia de sentido e é de toda a ajuda. Mas, sem tentar desenvolver as qualidades do ser do qual se é devoto, é fé cega, que é muito perigosa.”

– S. N. Goenka


Sobre S. N. Goenka | Lista de Mestres e Professores

Budismo Engajado | Thich Nhat Hanh

Citação Publicado em Atualizado em

maos“Existe uma real necessidade de levarmos o budismo para a sociedade, especialmente quando você se encontra em uma situação de guerra ou injustiça social. Durante a guerra do Vietnã se tornou muito claro que deveríamos praticar o budismo engajado, para que a solidariedade e a compreensão pudessem se tornar parte da vida do povo.

Quando sua vila é bombardeada e destruída e quando seus vizinhos se tornam refugiados, você não pode simplesmente continuar a praticar a meditação sentada na sala de meditação.

Mesmo que o templo não tenha sido bombardeado e a sua sala de meditação esteja intacta, ainda assim você poderá ouvir os gritos das crianças feridas e poderá ver a dor dos adultos que perderam suas casas.
Como é que você pode continuar a se sentar lá de manhã cedo, à tarde e à noite? ”

– Thich Nhat Hanh


Sobre Thich Nhat Hanh | Lista de Mestres e Professores

[Filme] Her + Reflexão sobre Inteligência Artificial e Budismo

Vídeo Publicado em Atualizado em

A história centra-se em torno de um indivíduo que desenvolve uma relação com um Sistema Operativo Inteligente. O Sistema Inteligente, que neste caso tem uma personalidade feminina, deu a si própria o nome de Samantha (nome muito parecido a Samatha, uma técnica de meditação).

O coração não é como uma caixa que fica cheia;
ele se expande em tamanho quanto mais você ama”.

– Samantha

O filme não é apenas uma simples história de amor, mas é também uma dissertação filosófica.
Ao longo do filme existem várias Leia o resto deste artigo »

Jogos e Prática Budista são Compatíveis?

Publicado em Atualizado em

Jogar jogos como o GTA será compatível com a prática do Dharma?
Quando era mais novo, antes de ter uma conexão maior com o budismo, como todos os jovens também gostava de jogar jogos. GTA, SplinterCelll, Metal Gear Solid, eram alguns dos jogos que gostava de jogar.

Mas nunca fui de jogar muito, e há muitos anos que já não pego num jogo.
No meu caso particular, via o jogo apenas como diversão e lazer, sem qualquer mistura com a realidade.

Mas muitos jovens, principalmente Leia o resto deste artigo »

Budismo e a Eutanásia

Publicado em Atualizado em

Neste post, vários mestres falam sobre o Budismo e a Eutanásia.

Trecho de: O Livro Tibetano da Vida e da Morte, de Sogyal Rinpoche. Apêndice 2: Questões sobre a morte. Editora: Prefácio Ano de Edição: 2001

“Em geral, há o perigo de um tratamento de apoio à vida que se limite a prolongar o processo da morte, vir a provocar desnecessários apegos, iras e frustrações no moribundo, em especial se não for esse o seu desejo. Os familiares que têm de enfrentar decisões difíceis, assustados com a responsabilidade de deixarem que o seu ente querido morra, deveriam reflectir se existe esperança real na recuperação, ou se a qualidade dos dias e horas finais desse ente podem ser mais importantes do que mantê-lo vivo. Para além disso, como na realidade nunca sabemos se a consciência ainda se encontra no corpo, podemos estar a condená-lo a um aprisionamento num corpo inútil.

Dilgo Khyentse Rinpoche disse: Leia o resto deste artigo »

A Sangha | Thich Nhat Hanh

Publicado em Atualizado em

Nas escrituras budistas é dito que há quatro comunidades: monges, monjas, homens leigos e mulheres leigas.
Mas eu também incluo elementos que não são humanos na Sangha.
As árvores, água, ar, pássaros e assim por diante, podem todos ser membros da Sangha. Uma boa almofada também pode. Podemos transformar muitas coisas em elementos de apoio da Sangha. Esta idéia não é inteiramente nova, pode ser achada através dos sutras e no Abbidharma também. Leia o resto deste artigo »

Eu não sou Charlie

Publicado em Atualizado em

Devido aos acontecimentos, dizer que não se é Charlie é uma opinião “politicamente incorreta”. Mas não se trata de defender o terrorismo ou a castração da liberdade de informação, nem insensibilidade para com o que aconteceu. Mas sim ter uma visão mais ampla dos acontecimentos.


#WHYSYRIA A crise da Síria bem contada em 10 minutos e 15 mapas

 

Sugiro alguns artigos para reflexão: Leia o resto deste artigo »

Sobre o Nibbana | Ajaan Thanissaro

Publicado em Atualizado em

“Todos sabemos o que ocorre quando um fogo se extingue. As chamas morrem e o fogo desaparece. Portanto quando pela primeira vez nos damos conta de que o objetivo da prática Budista, nibbana (nirvana), significa literalmente a extinção de um fogo, é difícil imaginar uma imagem mais mortífera para um objetivo espiritual: a completa aniquilação. Acontece que, no entanto, essa interpretação desse conceito é um erro de tradução, não tanto de palavra, mas de imagem. O que significava um fogo extinto para os Hindus na época do Buda? Tudo, menos aniquilação. Leia o resto deste artigo »

Uma Visão Buddhista sobre o Pós-Morte | Ricardo Sasaki

Publicado em Atualizado em

nuvens-morte-paraiso“A reencarnação é uma doutrina que frequentemente tem deixado os estudiosos e pesquisadores confusos diante de tantas contradições. Sua principal defensora é a escola espírita francesa, pois não podemos esquecer que vários grupos espíritas, principalmente os anglo-saxões, não admitem as doutrinas reencarnacionistas. É perfeitamente possível haver um Espiritismo que não faça uso da hipótese da reencarnação. Por outro lado, muitas pessoas e, principalmente os grupos espíritas, creem que muitas religiões, principalmente as orientais, defendem a hipótese da reencarnação. Hinduísmo e Buddhismo são duas das principais religiões às quais são atribuídas a ideia reencarnacionista. É um de nossos propósitos neste trabalho mostrar o quanto tal afirmação se distancia da verdade. Procuraremos mostrar como o Buddhismo, em particular, vê a posição reencarnacionista, bem como o pós-morte e as provas que usualmente são levantadas para se defender uma suposta vida além-túmulo. Leia o resto deste artigo »